A INSTRUÇÃO PRIMÁRIA MARANHENSE NA PRIMEIRA REPÚBLICA REGISTRADA EM CRÔNICAS MEMORIAIS DA OBRA CAZUZA, LITERATURA INFANTOJUVENIL DO INÍCIO DO SÉCULO XX

Autores

  • Ezequiel Leite da Silva UEMA - Universidade Estadual do Maranhão
  • Rosângela Silva Oliveira UEMA - Universidade Estadual do Maranhão

Palavras-chave:

História da Educação do Maranhão, Crônicas Memoriais, Escola Primária

Resumo

Esta pesquisa apresenta resultados parciais de uma pesquisa vinculado ao Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica da Universidade Estadual do Maranhão com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão. Esta pesquisa pretende investigar nas crônicas escritas pelo escritor maranhense Viriato Corrêa, características da instrução pública no estado do Maranhão nas primeiras décadas republicanas pelas histórias narradas na obra. Os objetivos voltaram-se para identificar a forma da organização escolar maranhense para a instrução primária tanto na zona rural como na zona urbana, distinguindo o pensamento pedagógica de ensino predominante. O percurso metodológico escolhido para esta pesquisa bibliográfica e documental foi a técnica de conteúdo por favorecer a eficaz análise relacional e a intepretação de informações das crônicas memoriais descritas. A pesquisa está em desenvolvimento, e encontra-se na fase de tabulação e análise dos dados coletados após leitura minuciosa das crônicas.

Biografia do Autor

Ezequiel Leite da Silva, UEMA - Universidade Estadual do Maranhão

Graduando em Pedagogia pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA

Rosângela Silva Oliveira, UEMA - Universidade Estadual do Maranhão

Profa. Dra. em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN; Docente do Centro de Estudos Superiores de Bacabal/CESB-UEMA. Orientadora da pesquisa.

Referências

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

CERTEAU, M. A escrita da história. Rio de Janeiro: Forense, 1982.

CERTEAU, M. A invenção do cotidiano. Petrópolis: Vozes, 1994.

CORRÊA, Viriato. Cazuza. 41 ed. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2002.

LE GOFF, Jacques. História e Memória. Trad. Bernardo Leitão [et al]. 5 ed. Campinas-SP: Editora UNICAMP, 2003.

OLIVEIRA, R. S. Do contexto histórico às ideias pedagógicas predominantes na escola normal maranhense e no processo de formação das normalistas na Primeira República. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal do Maranhão. São Luis-MA, 2004.

OLIVEIRA, R. S. A forma da escola primária maranhense 1889-1912. Tese (Doutorado em Educação). Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Natal-RN, 2014.

OLIVEIRA, R. S. Congresso Pedagógico como prática educativa – São Luís, 1920. In: STAMATTO, Maria Inês Sucupira. Práticas educativas, formação e memória. Campinas-SP: Mercado das Letras, 2015.

OLIVEIRA, R. S. A revitalização pedagógica moderna na instrução pública primária maranhense em 1920. In: DUARTE, Ana Lucia Cunha; ALBUQUERQUE, SEVERINO Vilar (Orgs.). A multidimensionalidade em contextos educacionais. São Luis-MA: Editora UEMA, 2016.

MARANHÃO. Regulamento da Instrução Pública do Maranhão. Para execução da Lei 56 de 15 de maio de 1893. S. Luiz; Typ. Dos Frias, 1893

Arquivos adicionais

Publicado

2022-05-27

Como Citar

Silva, E. L. da . ., & Oliveira, R. S. . . (2022). A INSTRUÇÃO PRIMÁRIA MARANHENSE NA PRIMEIRA REPÚBLICA REGISTRADA EM CRÔNICAS MEMORIAIS DA OBRA CAZUZA, LITERATURA INFANTOJUVENIL DO INÍCIO DO SÉCULO XX. Colóquios - Geplage - PPGED - CNPq, (3), p.196-208. Recuperado de https://www.anaiscpge.ufscar.br/index.php/CPGE/article/view/1039

Edição

Seção

COMUNICAÇÕES ORAIS: EIXO 4 - EDUCAÇÃO BRASILEIRA: RECORTES HISTÓRICOS